sexta-feira, 1 de abril de 2011

O peru e os trolhas

Podia indagar sobre o porquê daquelas tiradas de génio, de conteúdo por vezes obscenamente sexual, que atiram a qualquer mulherio que passe. Hoje ainda não é o dia.

A casa em frente à minha está em obras há cerca de 1 ou 2 meses. É uma chatice. Pelo barulho, pela poeirada em cima da minha viatura, porque rouba quase metade do estacionamento e porque, pelo menos 2 vezes por dia, tenho de levar com os trolhas e consequente acefalia enquanto me dirijo ao carro. E em milésimos de segundo forma-se logo um "PÓ CARALHO!!" na cabeça da menina e a coisa passa.

Eis que hoje (e ainda não acredito que vou dizer isto) um deles vê-me sair e passados uns segundos começo a ouvir:

"Olha que coisa mais linda, mais cheia de graça, é ela menina, que vem e que passa.."

Que é uma coisinha mais gira que "Oh morcona, comia-te o sufixo".

Foi um trolha. Mas fez-me sorrir. És o orgulho da tua classe meu!

1 comentário:

  1. As excepções confirmam as regras... Esse sr. trolha ganhou o dia.

    ResponderEliminar