sábado, 3 de dezembro de 2011

O peru e as constatações de ontem

1. Enche sempre um bocadinho o coração ver sorrisos genuínos e olhos brilhantes no pessoal que trabalha connosco, no nosso regresso após 4 dias de ausência;

2. Se eu ganhasse 5 euros por cada vez que ouço o seguinte diálogo,
- Então X, como é que isso vai?
- Olhe, vai andando!
- Pois, tem de ser não é?

era gaja para tirar já uma licença sem vencimento. (Vai andando? Claro que vai andando, os dias correm, o tempo passa. Tem de ser? Tem de se ir andando? Carpe Diem? Queres ver que há aqui alguma mensagem subliminar metafísica que me escapa, no meio do tédio que estas conversas provocam em mim?)

3. Alguém me tire da cabeça a ideia de fazer franja.

7 comentários:

  1. Eu, como portadora (ai credo parece que estou a falar de um deficiência) de franja, digo: faz franja sim! Opá se não gostares depois metes um ganchos e aquilo também cresce num instante! :p, assim andas sempre a pensar se fica bem ou não, mais vale fazer logo! :p

    ResponderEliminar
  2. franja dá mesmo muito trabalho. não faças.

    ResponderEliminar
  3. E eu tenho cabelo aos caracolinhos-boneca-de-porcelana, ainda por cima..

    ResponderEliminar
  4. No franja for you!!! oh noo... Estás a ver o teu cabelo? Now, estás a ver os caniches?... Não é uma imagem bonita! Tá?

    ResponderEliminar
  5. Eu tenho franja... :) E gosto! Tenta... Se não gostares sempre podes colocar uns ganchos até crescer mais um cadinho!

    :)

    ResponderEliminar