quarta-feira, 22 de maio de 2013

There's a first time for (almost) everything

Este ano até tem sido rico nessas experiências, mas fica para outro post. Uma pessoa chega a uma idade que.. ok, ainda há muita coisa a fazer, mas as primeiras vezes vão rareando. Portanto, é com bastante auto-admiração que me vejo pela primeira vez.. a fazer babysitting.
"Quero o leite quente, quero o leite frio, morno, pão com queijo, não afinal quero fiambre, então e tu não comes?, queres comer pão? vamos arrumar a casa?, vais lavar a roupa?, queres brincar comigo?, não quero estes desenhos animados, quero os do macaco!, isto serve para quê?, olha, OLHA!!"

Estou a ter uns laivos de why being a mom is a full-time job.. Vais TÃO ficar quieto, útero.

5 comentários:

  1. Sim, crianças é bichos que têm pilhas especiais. Mas no fim compensa sempre ;)

    ResponderEliminar
  2. eheheheh há sempre o lado positivo e o negativo, quem é mãe é que te saberia explicar melhor!

    ResponderEliminar